10 CURIOSIDADES INACREDITÁVEIS SOBRE A COPA DO MUNDO - Sergio's

Um novo caminho é possível

O BLOG DA MARCA SERGIO’S

Um Blog onde você vai encontrar de tudo um pouco sobre o universo masculino: dicas de como se vestir, viagens, drinks, restaurantes, vinhos, carros, etc... Tudo o que habita o mundo do homem e desperta o interesse de quem está antenado com a atualidade. Compartilhe suas idéias e faça parte do universo Sergio's!

10 CURIOSIDADES INACREDITÁVEIS SOBRE A COPA DO MUNDO

10 CURIOSIDADES INACREDITÁVEIS SOBRE A COPA DO MUNDO

Cachorros em campo, taças roubadas, água batizada e muito mais. Se você ainda não entrou em clima de Copa do Mundo, confira as 10 curiosidades mais inacreditáveis sobre o mundial e fique por dentro:

1. Na Copa de 82, o príncipe do Kuwait, que assistia das tribunas à partida de sua seleção contra a França, intercedeu junto ao árbitro após a marcação do 4º gol francês. Inconformado, o príncipe argumentou que seus jogadores desistiram do lance após ouvirem um apito das arquibancadas. A reclamação deu certo e o gol foi anulado
2. Na Copa de 38, a seleção brasileira enfrentou uma verdadeira epopeia para chegar à França e disputar o mundial: jogadores e comissão técnica embarcaram numa viagem de navio que durou 15 dias, algo completamente inimaginável nos dias de hoje. O atacante Romeu chegou a engordar 9 quilos durante a saga!

3. O melhor jogador do mundo na época, Ronaldo “Fenômeno” liderava a seleção brasileira que chegou à final em 98. Porém, horas antes da partida contra a França, o atacante sofreu uma convulsão e foi afastado do time. Recuperado, Ronaldo apareceu no vestiário pedindo para ser escalado, mas abatida, a seleção brasileira acabou sendo derrotada por 3 a 0.

4. Muitos jogadores precisam de um longo histórico em sua seleção para poderem disputar uma semifinal de Copa do Mundo, mas esse não foi o caso do lateral direito Zé Carlos. Após a suspensão do titular Cafu, o jogador foi escalado para a partida contra a Holanda e a seleção brasileira se classificou nos pênaltis (nenhum, entretanto, batido por Zé Carlos).

5. Não é novidade que o Garrincha foi a estrela da Copa de 62. O que poucos sabem, no entanto, é que o craque encontrou um adversário à altura nas quartas de final contra a Inglaterra. Mas o rival não foi nenhum dos zagueiros ingleses, e sim um cachorro que invadiu o gramado e driblou Garrincha. Depois de detido o cachorro driblador, o craque marcou 2 gols e o Brasil venceu por 3 a 1.

6. O regulamento da Copa de 54 confundiu a seleção brasileira: após um empate de 1 a 1 com a Iugoslávia, os jogadores deixarm o campo chorando, acreditando estarem eliminados da competição. Somente quando foi esclarecido que o resultado classificou ambas as equipes para a próxima fase (coisa que os iugoslavos já sabiam), os brasileiros entenderam os sinais dos adversários durante a prorrogação e pediram a manutenção do empate.

7. A taça Jules Rimet passou poucas e boas antes e depois de ser conquistada pelo Brasil na Copa de 70. Por aqui, a taça foi roubada e derretida para a venda do seu ouro, mas, em 66, a mesma já havia sido alvo de ladrões: o troféu sumiu meses antes do mundial durante uma exibição em Londres. A taça reapareceu apenas uma semana depois, quando um cão chamado Pickles a encontrou escondida em alguns arbustos da capital inglesa.

8. A Copa de 70 foi o primeiro evento a ser transmitido em cores no Brasil, mas poucos foram os brasileiros privilegiados a acompanharem o tri a cores.

9. Na estreia do Brasil na Copa de 78, o jogo terminou no ar. Literalmente. A seleção estava empatada com a Suécia por 1 a 1 quando, nos 45 minutos do segundo tempo, Nelinho cobrou escanteio e Zico marcou o que seria o gol da Vitória. Seria, porque enquanto a bola corria pelo ar, o árbitro decidiu dar o apito final e encerrar a partida.

10. Quando Brasil e Argentina disputavam as oitavas de final da Copa de 90, o massagista da seleção entrou em campo para prestar atendimento a um dos jogadores. O lateral brasileiro Branco se aproximou para tomar água e recebeu de um dos adversários uma garrafa verde, diferente das demais. Somente anos depois Maradona afirmou que a água dada ao brasileiro estava “batizada” com sonífero.

O que achou desse post? Comente

Comentários

Fernanda Rocha

Por Fernanda, Diretora de Projetos e Desenvolvimento Blog da Sergios

Comentar

Todos os campos são obrigatórios.

*Muitas das imagens deste Blog vêm de fontes diversas. Se alguma foto de sua autoria estiver no Blog e você desejar sua remoção, favor enviar um e-mail para administrativo@sergios.com.br que prontamente a retiraremos do ar.